Exposição: Do Que o Coração Está Cheio ou Sobre Começo, Meio e Fim

Sobre:

Aliança Francesa Belo Horizonte lança a mostra individual Do Que o Coração Está Cheio ou Sobre Começo, Meio e Fim, da artista visual Gilmara Oliveira, dia 30 de agosto. Os trabalhos fazem parte da programação anual da instituição, com o tema “Arte na Luta”, que convocou artistas por meio de um edital.

A mostra apresenta trabalhos inéditos desenvolvidos no ano de 2017 baseados no cenário sociopolítico brasileiro contemporâneo, sobre o olhar empoderado da mulher contra a violência, pela valorização do sagrado feminino e do direito de fala e mobilidade.

Mulheres invisibilizadas, menstruação que se torna azul em comerciais de TV e rótulos que se tornam naturais a todas aquelas que fogem ao padrão imposto pela sociedade patriarcal e as entendem como merecedoras de abuso. Partos, escolhas e imposições. Mulheres enquanto provedoras do Universo, sagrada e profana, amada e odiada pelo simples fato de ser ou não ser. A liberdade feminina de escolher os próprios rumos e apreciar o caminho sem preocupação com o destino. Sentimento e entendimento das feridas expostas de outrora. Orgasmo e ejaculação feminina. Tudo isso costurado a ações performáticas, que podem vir a surgir no decorrer, como reforço da luta.

 

Sobre Gilmara Oliveira:

Gilmara Oliveira é graduada em Escultura pela EBA – UFMG(1998). Integrou coletivas no Brasil(2009/2010/2013/2016/2017), em Portugal(2010), Alemanha(2010), Porto Rico(2010) e Paris(2011), com trabalhos bidimensionais; e desenvolve performances enquanto poética, desde 2012, pesquisando a ruptura da lógica cotidiana social como estratégia de partilha de reflexões acerca da banalização da violência entre gêneros e do feminicídio, utilizando o espaço urbano como local para as ações de quebra, sensibilização e fomento.

Além dos trabalhos solo, dedica-se a projetos colaborativos horizontais pela VESPA, em parceria com Carolina Botura e pelo Ateliê Pé Vermelho, em parceria com Zi Reis. Suas mais recentes participações são: (Des)encontros – Lugar Onde Me Encontro Pelo Erro(2018), com a ação Até Que Um BASTA Nos Separe, no Teatro 171(Belo Horizonte MG); e a Mostra Coletiva Mulheres a Caminho(Campinas SP) com a ação Pílulas do Esquecimento(2017), sobre a curadoria de Fausto Gracia e Cecília Stelini.

SERVIÇO:

Mostra individual DO QUE O CORAÇÃO ESTÁ CHEIO OU SOBRE COMEÇO, MEIO E FIM| Gilmara Oliveira

Abertura: 30 de agosto, 19h.

Visitação: 31 de agosto a 20 de setembro

Horários: Segunda a Quinta – 7h30 às 20h15 | Sexta-feira – 7h30 às 17h15 | Sábado – 8h às 13h

Local: Aliança Francesa BH – Rua Tomé de Souza, 1418 – Savassi.

Informações: afbh@aliancafrancesabh.com.br / 3291-5187

aliancafrancesabh.com.br


 

Interessado? Fale conosco

Sua mensagem